URGENTE! Dono de cinema que se recusou a passa o filme da lava-jato é encontrado morto de forma suspeita!




Joaquim da Rossa Neto empresário e militante, dono de um cinema no interior de Minas, foi encontrado morto na tarde de hoje.

Na última semana Joaquim recusou de exibir sessões do filme comédia “A Lei é Para Todos” que conta a história da operação Lava-Jato.

O corpo foi enviado para o instituto médico legal para pericia e causa da morte.

Veja também: Cássia Kis declara “É Deus no Céus e Sérgio Moro na terra” e Lula na cadeia.

Veja também: Dona de restaurante se recusa a servir Doria e gera tumulto “Aqui tratamos coxinha assim!”


Curta Lula 2018 no Facebook e fique por dentro das notícias!



Joaquim era um grande mobilizador social em sua cidade, organizando manifestações fora Temer, e incentivando o socialismo.

Também foi candidato vereador nas últimas eleições, porém não chegou a se eleger, o assassinato de Joaquim gerou tumulto na cidade pois era um homem muito amado pelos pobres, porém também era muito criticado pelas elites, a morte suspeita será investigada.

ASSISTA AO VÍDEO COM DEPOIMENTOS AQUI!




Se você apoia Lula presidente, curta Estrela Vermelha

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *